whatsapp

Data: 4 de Maio de 2021

Chia Vida saudável em grão

Semente rica em fibras e vitaminas. Veja seus principais benefícios para a saúde!

Cada dia mais, a preocupação com os hábitos alimentares para prevenir doenças e cuidar da saúde, se tornou comum no cotidiano dos brasileiros. O papel dos alimentos vai muito além de saciar a fome. Uma dieta adequada e saudável proporciona uma boa nutrição e o funcionamento adequado de todo o corpo. Sendo, influenciadora direta na saúde do indivíduo.

Alimentar-se bem é uma maneira de cuidar da saúde do organismo. Uma alimentação rica em gordura, açucarada e com excesso de proteína pode causar sérios danos ao corpo, como obesidade, gastrite, colesterol elevado, hipertensão e até doenças degenerativas.

Uma dieta com maior saudabilidade é composta por alimentos in natura, como frutas, legumes, verduras, grãos diversos, oleaginosas, tubérculos, raízes e proteínas. Esses alimentos são essenciais para a manutenção da saúde e a prevenção de muitas doenças, inclusive aquelas que aumentam o risco de complicações do Coronavírus, como diabetes, hipertensão e obesidade.

Entre os alimentos in natura, temos a Chia, uma semente considerada um superalimento com diversos benefícios para saúde, que incluem a melhora do trânsito intestinal, melhora do colesterol e até diminuição do apetite, pois, ela é rica em fibras e vitaminas. Uma excelente opção para inserir em sua dieta! Conheça 4 benefícios.

Nutrientes para o seu dia a dia

Conhecida por Chia, seu nome científico é Salvia Hispanica. Originária do México e consumida pelas antigas civilizações – maias e Astecas – que já tinham conhecimento dos benefícios da chia para que o organismo funcione bem e obtenha muita energia e disposição.

As sementes de chia tem em sua composição ômega-3, antioxidantes, cálcio, proteínas, fibras, vitaminas e minerais, que fazem desta semente um excelente complemento nutricional, natural e econômico.

Chia: Benefícios do consumo

Segundo a Universidade de Harvard: a semente de chia é uma proteína completa, pois contém todos os nove aminoácidos essenciais que não são produzidos pelo nosso organismo. Além disso, conheça os principais benefícios da chia, que pode ser consumida em saladas, refeições, sucos e até em óleo.

Ela contém alto teor de ácidos graxos poli-insaturados essenciais, categorias de gorduras consideradas benéficas ao organismo, sendo rica em ácido graxo alfa-linolênico, também conhecido como ômega 3.

Tabela do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos

Emagrecimento

A capacidade de absorver muita água, faz da chia, uma grande aliada no emagrecimento. Quando ingerida, ela causa a sensação de saciedade. Em contato com os sucos gástricos, suas fibras se transformam em uma espécie de gel, que aumentam a dilatação do estômago. Com o organismo saciado, o consumo de alimento será menor e o corpo emagrecerá.

Controle e prevenção do diabetes

Devido suas fibras, a chia quando consumida pode aumentar o tempo de liberação da glicose, exercendo papel de prevenção do diabetes tipo 2. Sabe-se que o alimento quando colocado em contato com a água, forma um gel viscoso que, quando ingerido, produz uma barreira física que separa as enzimas digestivas dos carboidratos, promovendo uma lenta conversão de carboidratos em açúcar.

Quando consumida com fontes de carboidratos (frutas, massas, pães), as fibras da chia têm como efeito a diminuição da velocidade com que o carboidrato sai do estômago e chega ao intestino, para terminar de ser digerido e absorvido, justamente por se transformarem em um gel. Consequentemente, proporciona uma digestão mais lenta, mantendo os níveis de açúcares no sangue mais constante e controlando a glicemia.

Fortalece a imunidade

Em sua composição há minerais como o selênio e zinco, que são excelentes no auxílio do sistema imunológico. O papel da chia é reforçar as defesas, afastando de perto doenças como gripes, resfriados e processos infecciosos. Além disso, por ter nutrientes como fósforo, manganês, cálcio, potássio e sódio, a semente é indispensável para a manutenção da integridade e saúde das células.

Fonte de cálcio

Por ter bastante cálcio, ela pode ser uma excelente alternativa aos intolerantes à lactose. A semente funciona como uma fonte alternativa desse mineral. Além disso, o grão se torna um aliado para manter os ossos rígidos e prevenir a osteoporose – doença que enfraquece os ossos e deixa-os mais suscetíveis às fraturas.

Insira Chia em suas receitas e compartilhe com a gente! Se você gostou desse conteúdo e quer conferir outros posts como esse, acesse nosso blog!

Data: 25 de março de 2021

O que comer no café da manhã!

Você se alimenta bem no café da manhã? Confira algumas dicas de alimentos para essa refeição!

O que comer no café da manhã é a dúvida da maioria das pessoas. Com a correria do dia a dia, muitas pessoas acabam pulando o café da manhã e iniciam o dia sem a primeira refeição. Se você é uma dessas pessoas, você precisa mudar esse hábito!

Segundo os especialistas em nutrição, um dos motivos que o café da manhã é uma das refeições mais importantes é que os alimentos dele são as primeiras fontes de energia do dia. Depois de várias horas em jejum, o corpo, principalmente o cérebro, necessita de alimentos. Além disso, se você não se alimenta corretamente no início do dia, pode apresentar hipoglicemia devido à baixa presença de glicose no sangue, o que pode causar tontura, náusea e até desmaios.

Para te ajudar a ter uma rotina mais saudável, vamos dar dicas de o que você pode comer no café da manhã.

Hábitos alimentares: Como mudar e os benefícios para seu corpo

 

O Guia Alimentar para a População Brasileira, do Ministério da Saúde, aconselha que as três principais refeições diárias – café da manhã, almoço e jantar – precisam conter porções diárias recomendadas, considerando a importância de consumir algumas porções diárias de alguns grupos alimentares, como o dos cereais, das frutas e sucos naturais, além do leite e seus derivados.

O que comer no café da manhã está muito ligado a uma adequação nutricional ao longo do dia, uma vez que você se alimentando bem nessa primeira refeição, as outras serão equilibradas e por consequência irá auxiliar na diminuição de sobrepeso e de obesidade e, ainda, melhorar o rendimento no trabalho e até o escolar, em crianças e adolescentes.

Para mudar o hábito alimentar, você deve inserir aos poucos novas receitas, novos alimentos e com o tempo ir adequando a sua rotina.

Como tornar o seu café da manhã mais nutritivo e saudável?

Confira algumas dicas do que comer no café da manhã, abaixo:

1 – Iogurte

Fonte de cálcio e proteína, o iogurte pode ser um excelente protagonista no seu café da manhã. Ele possui vitaminas e minerais essenciais para o bom funcionamento do corpo. Experimente consumir as versões mais saudáveis, sem açúcar ou conservantes, acompanhado de frutas e Granolas Kobber.

2 – Banana

A banana é uma excelente fruta para se ter em um café da manhã saudável. Ela é fonte de açúcar, tornando uma boa opção porque nesse horário o corpo necessita de energia para as atividades do dia. Além de ser excelente para consumir antes de exercícios, pois seu alto nível de potássio auxilia na saúde dos nervos e previne o surgimento de cãibras. Ela pode ser consumida sozinha ou, se preferir, com Super Grãos Kobber e iogurte natural.

3 – Tapioca

Sua versatilidade traz saúde e praticidade para o prato dos brasileiros, típica no nordeste, mas amada no Brasil inteiro. A tapioca é rica em amido, uma fonte de carboidratos mais saudável e que dá energia às células do seu corpo. Além de ser uma opção para dieta sem glúten. Você pode preparar a tapioca e rechear com queijo branco, ricota fresca, pasta de amendoim, entre outros.

4 – Ovos

O ovo é uma excelente escolha para aumentar a ingestão de proteínas no café da manhã, porque oferece aminoácidos, ajuda a aumentar a sensação de saciedade e não possui um alto número de calorias e carboidrato, sendo uma opção para quem está em uma dieta de baixo carboidrato.

5 – Vitamina de frutas

Uma opção rápida, saborosa e refrescante é a vitamina de frutas, que você pode bater com as super-frutas da Kobber e acrescentar sabor ao seu café da manhã. Super Frutas Blueberries, são conhecidas por possuírem alto valor nutricional, propriedades antioxidantes, além de serem muito saborosas. O Blueberry Kobber é conhecido como mirtilo, rico em fibras, antioxidantes e sais minerais.

Se você se interessou pelos produtos e quer adquirir agora mesmo, entre em contato conosco via Whatsapp (11) 98415-5183 e faça seu pedido.

 

Data: 25 de março de 2021

Doces saudáveis: confira 5 receitas!

A alimentação saudável deve ser construída desde a infância. Quer conferir algumas receitas saudáveis e deliciosas para fazer quarentena? Veja algumas opções!

Quem nunca sentiu aquela vontade de comer um doce no meio da tarde que atire a primeira pedra! Infelizmente não podemos cair sempre em tentação e exagerar no consumo de açúcar. Pensando no seu desejo, trouxemos 5 receitas de doces saudáveis para você aderir a sua alimentação e consumir sem aquele peso na consciência. Confira.

5 receitas de doces saudáveis

 

1. Pão de mel zero açúcar

Essa receita de pão de mel pode ser aquela sobremesa perfeita para deixar na gaveta do trabalho e comer sem culpa no lanchinho da tarde.

Ingredientes

● 2,5 xícaras de trigo integral
● 1 xícara de mel de sua preferência
● 3 colheres de chá de cacau
● 1 colher de chá de canela
● ½ colher de chá de gengibre
● ½ colher de chá de noz-moscada
● ½ colher de chá de cravo-da-índia
● 1 colher de chá de bicarbonato
● 1 colher de chá de fermento
● 2 xícaras de água de coco
● 400g de chocolate meio amargo

Modo de preparo

Bata à mão todos os ingredientes, exceto o chocolate. Unte as forminhas com um pouco de azeite e transfira a massa batida. Leve ao forno pré-aquecido a 190 graus por 25 minutos. Após assado, espere esfriar para desenformar.

Para a cobertura, derreta o chocolate em banho-maria e mergulhe os pães no chocolate. Leve à geladeira por cerca de 20 minutos e está pronto para consumo.

2. Bolo de laranja fit

Esse bolo agrada tanto às pessoas que estão de olho na balança quanto quem é intolerante à lactose. Com esse bolo de laranja e fubá, você poderá se deliciar sem culpa! Veja o que você vai precisar.

Ingredientes

● 1 xícara suco de laranja
● 1/3 de xícara de óleo
● 1 xícara de farinha integral misturada com uma colher de fermento
● 1 xícara de açúcar demerara
● 1 xícara de fubá
● 3 ovos

Modo de preparo

Em uma vasilha, misture todos os ingredientes líquidos. Depois misture os ingredientes secos, sempre peneirando, para deixar o bolo mais fofo. Quando a massa ficar homogênea, despeje em uma forma untada e leve ao forno a 180 graus por 40 minutos.

3. Bolo de granola

Uma receita saudável e deliciosa para o café da tarde e ainda deixar a casa com aquele cheirinho gostoso de canela. Confira!

Ingredientes

● 4 maçãs lavadas e cortadas em cubos médios
● 2 xícaras de aveia em flocos finos
● 1/2 xícara de granola ou (1 xícara de aveia em flocos grandes)
● 1 xícara de farinha de trigo integral
● 1/2 xícara de farinha de trigo branca
● 1 colher de fermento químico em pó
● 2 xícaras de açúcar mascavo
● 3 ovos
● 1/2 xícara de óleo
● 4 colheres de uvas passas pretas
● 1 pitada de cravo em pó
● 1 colher de chá cheia de canela em pó

Modo de preparo

Em uma tigela misture bastante com uma colher de pau o óleo, o açúcar mascavo e os ovos. Adicione as maçãs picadas, a aveia e as farinhas e continue misturando. Acrescente as uvas passas, a granola Kobber de sua preferência, a canela e o cravo em pó. Por fim adicione o fermento, misture novamente e coloque em uma forma untada com manteiga e polvilhada com açúcar mascavo e canela.

Asse em forno pré-aquecido em temperatura alta (220º) por 40 minutos, ou até passar no teste do palito. Deixe esfriar dentro do forno e quando estiver frio desenforme em um prato.

4. Cookie proteico

Essa receita é o snack dos sonhos para todo mundo que deseja ingerir mais proteínas em sua alimentação e está cansado das mesmas coisas. Conheça esse delicioso cookie vegano e sem glúten.

Ingredientes

● 1/2 xícara (chá) de açúcar mascavo
● 1/4 xícara (chá) de polvilho doce
● Uma pitadinha de sal
● 1/2 xícara (chá) de farinha de arroz
● 1 xícara (chá) de grão de bico cozido e sem tempero
● 2 colheres (sopa) de azeite
● 1 colher (chá) de fermento químico

Modo de preparo

Comece misturando bem o açúcar, o polvilho, o sal e a farinha de arroz. Reserve. Processe o grão-de-bico com o azeite até formar uma pasta homogênea. Se achar que ainda está muito sólido, pode adicionar mais 1 colher (sopa) de azeite. Junte a massa de grão-de-bico na mistura que estava reservada e vá amassando manualmente. No início, normalmente vai esfarelar. Continue amassando até a massa ficar homogênea, sem grudar nas mãos, sem esfarelar. Acrescente o fermento e amasse mais.

Separe em bolinhas e modele em formato de cookies colocando em uma assadeira (não precisa untar). Adicione pedacinhos de chocolate. Leve ao forno pré-aquecido a 180°C por 35 minutos. E depois é só se deliciar!

5. Muffin vegano

Vegano, delicioso e excelente para comer no café da manhã ou no lanche da tarde, além de também ser ideal para levar de lanchinho para a escola, faculdade ou trabalho.

Ingredientes

● 6 colheres (de chá) de linhaça (dourada ou marrom, ou chia)
● 9 colheres (de sopa) de água
● 1 xícara (de chá) de farinha integral
● 1 xícara (de chá) de açúcar mascavo
● 1 de xícara (de chá) de aveia em flocos finos
● 1 pitada de sal
● 1/2 colher (de chá) de canela em pó (a gosto)
● 1 colher (de chá) de extrato de baunilha
● 1/2 xícara (de chá) de leite de coco pronto para beber
● 4 colheres (de sopa) de óleo de coco (ou outro óleo vegetal)
● 2 colheres (de chá) de suco de limão ou vinagre de maçã
● 200g de cenoura ralada (cerca de 2 xícaras (de chá) de cenoura ralada – pode ser no ralador fino ou grosso)
● 3 colheres (de chá) de fermento químico em pó

Modo de preparo

Em um liquidificador, triture a linhaça Kobber ou Chia Kobber, coloque em uma vasilha, adicione 9 colheres (de sopa) de água e deixe hidratar por 15 minutos. Em uma vasilha, peneire a farinha integral e o açúcar mascavo. Adicione a aveia em flocos finos, uma pitada de sal, a canela, misture e reserve.

Após 15 minutos, acrescente a linhaça hidratada (que irá substituir o ovo nesta receita), o extrato de baunilha, o leite de coco pronto para beber, o óleo de coco (ou outro óleo vegetal), o vinagre de maçã ou suco de limão, e a cenoura ralada. Misture.

Adicione o fermento químico em pó e misture delicadamente, se preferir, adicione castanha-do-pará picada e uvas-passas.Distribua a massa nas forminhas e asse em forno pré aquecido por cerca de 30 minutos.

Aprovou nossa seleção de receitas? Deixe seu comentário! E se fizer a receita, posta e marca a gente no Instagram! Vamos adorar ver o resultado! Quer conhecer mais receitas? Acesse https://kobber.com.br/category/receitas/

Data: 25 de março de 2021

Alimentos bons para pele e cabelo: confira a lista!

Que tal conhecer alguns segredos para deixar seu cabelo e sua pele ainda mais nutridos? Veja 7 alimentos que podem te ajudar com isso!

Alimentação saudável e equilibrada é essencial para o funcionamento do seu organismo, além disso, alguns alimentos também são bons para sua pele e cabelo – deixando com mais brilho e vida!

A hidratação do cabelo e da pele é essencial! Segundo os dermatologistas, para deixá-los constantemente hidratados é preciso usar produtos que contem com substâncias como ceramidas e ácido hialurônico na composição. Eles evitam o ressecamento. Outra dica importante é evitar o excesso de químicas no cabelo e uso de sabonetes inapropriados.

Por que uma alimentação balanceada é importante para nosso corpo?

Uma dieta rica em nutrientes ajuda a prevenir e combater doenças, além de manter o peso corporal saudável e um bom desenvolvimento físico. A ingestão de uma dieta balanceada ajuda o sistema imunológico; melhora o humor e a memória; reduz o cansaço e o estresse; aumenta a qualidade do sono; previne o envelhecimento precoce da pele; melhora o sistema digestivo; e fornece disposição e mais energia para as atividades diárias.

Top 7 alimentos saudáveis. Confira a nossa lista!

 

1 – Chia

A primeira da nossa lista de alimentos bons para a pele e o cabelo é a chia, porque ela possui um alto valor nutritivo, é repleta de antioxidantes, contém ômega 3, fibras, vitaminas e minerais como: magnésio, potássio e proteínas completas.

Além disso, o seu óleo é excelente em cosméticos para pele e cabelos. A vitamina A atua como antioxidante contra radicais livres, prevenindo o envelhecimento precoce e, junto com a vitamina B3 também presente, ajuda a reduzir a vermelhidão e manchas na pele – isso graças a seus efeitos anti-inflamatórios.

2 – Frutas vermelhas

As frutas vermelhas são antioxidantes naturais (previnem o envelhecimento precoce), e são ricas em vitamina B, que atua no bom funcionamento das células.

Elas disponibilizam energia, brilho aos cabelos, renovam a pele e fortalecem as unhas. Também são ricas em ferro, fósforo, cálcio, outros minerais e nutrientes que juntos combatem a anemia, doenças do coração, reduzem o açúcar no sangue, o colesterol ruim, e ainda tem efeito cicatrizante.

3 – Aveia

A aveia é uma aliada para regular o intestino, o que ajuda muito na aparência da pele. Além disso, o silício fornecido pelo cereal atua diretamente na produção de colágeno, que é uma proteína essencial para manter a firmeza e a elasticidade da pele. Com o passar dos anos, os níveis começam a diminuir, resultando no aparecimento de linhas de expressão, rugas e aumento da flacidez.

4 – Gelatina

A gelatina apresenta abundância em colágeno, que tem função estrutural responsável por manter a elasticidade e tensão entre as células. É importante para a saúde da pele, cabelo, ossos e unhas.

Graças a essa proteína, a gelatina ajuda na estimulação da síntese de colágeno humano, mantendo a tonicidade e elasticidade da pele, prevenindo a flacidez. Além de melhorar o aspecto visual da pele, unhas e cabelos, deixando-os mais resistentes e brilhosos.

5 – Ovos

Os ovos são bons para o seu cabelo devido seu alto teor de minerais, como o enxofre e as vitaminas A, B, D, E.

São fundamentais para promover o crescimento do cabelo. Além disso, a proteína de alta qualidade encontrada nos ovos traz fortalecimento e promove brilho às madeixas. Com uma dieta nutritiva, o seu cabelo ficará brilhante e saudável.

6 – Castanha-do-pará

A castanha-do-pará é uma das queridinhas dos brasileiros quando o assunto é benefícios cosméticos. Os benefícios para a pele e o cabelo, são muitos. O óleo de castanha-do-pará é um excelente hidratante natural para a pele e pode ser usado em todo o corpo. Seu rico conteúdo mineral e vitamínico o torna ideal para curar a pele seca ou danificada.

Quando usado como ingrediente em produtos para cuidados com a pele, hidrata e possui propriedades rejuvenescedoras, além de ser um aliado no tratamento antirrugas e eficaz na renovação da pele, reduzindo a aparência de linhas finas e envelhecimento.

7 – Quinoa

Para encerrar nossa lista de alimentos bons para pele e cabelo trouxemos um coringa! A quinoa é uma aliada completa, tanto para a pele quanto para o cabelo. Ela possui lisina, um aminoácido que ajuda na sintetização da elastina e do colágeno, ajudando, desse modo, na cicatrização e reparação da pele.

Ao consumir regularmente a quinoa, ela ajuda a nutrir o couro cabeludo, contribuindo para o crescimento dos cabelos. Outro aminoácido presente na quinoa é a tirosina, que é responsável pela melanina, proteína responsável pela pigmentação do cabelo e da pele, deixando com uma cor saudável e muito brilho!

Encontrou motivos para inserir esses alimentos na sua dieta? Não se esqueça de associar a uma alimentação saudável o hábito de praticar exercícios e beber muita água!

Se você gostou desse conteúdo e quer conferir outros textos sobre saúde e bem-estar, acesse nosso blog!

X